quinta-feira, 9 de setembro de 2010

SERVIR A DEUS

Todo servo sabe que a Obra de Deus exige abnegação. Ou seja, sacrificar seu ser para atender as necessidades alheias. Mas o que nem todos sabem é que não basta apenas alguns sacrifícios. E é justamente aí que está o elemento divisor entre os verdadeiros e os supostamente verdadeiros servos de Deus!

"Se alguém vem a Mim e não aborrece a seu pai, e mãe, e mulher, e filhos, e irmãos, e irmãs e ainda a sua própria vida, não pode ser Meu discípulo." ( Lucas 14.26 )

Quem estaria disposto a sacrificar a família e até a própria vida para seguir e servir ao Senhor Jesus? Às vezes, o sacrifício da própria vida, apesar de ser doloroso, ainda assim é bem mais fácil do que a família.

Em troca de residência fixa de seus familiares na América muitos filhos de imigrantes têm arriscado suas vidas nas guerras. Aborrecer pai, mãe, mulher, filhos e irmãos envolve abnegar o mais forte sentimento humano: a paixão familiar.

Lembra o pedido de Deus a Abraão? Sacrifício de Isaque? Pois é, o Deus de Abraão continua pedindo isaques…

Muitas vezes a pessoa oferece sua vida no altar mas não sacrifica seus ídolos familiares. Daí, fica difícil o nascimento do Espírito.


Nenhum comentário:

Postar um comentário